Tá na Mesa

Energia a toda prova

Ta-na-mesa

No mundo cada dia mais corrido e estressante em que vi­vemos, é normal sentirmos falta de disposição e energia, que acabam influenciando, negativamente, na nossa sensação de bem-estar, tão importante para vivermos bem no nosso dia a dia, evitando a fadiga física e mental. No primeiro TÁ NA MESA do ano, vamos falar sobre como melhorar a nossa energia para começarmos com mais disposição e vigor, conquistando tudo o que almejamos para 2017. Mas lembre-se: é importante a orientação de um médico ou nutricionista antes de mudar seus hábitos alimentares.

Guaraná – Mundo Verde

p24f3

Bastante consumido por quem deseja aumentar seus índices de ener­gia, o guaraná, muito comum na versão em pó, é bem procurado no Mundo Verde por pessoas de diversas idades e estilos de vida. As versões em pó e a própria semente têm grande procura pelos consumidores. O pote de 120 gramas da marca Tibiriçá custa R$ 18,90. Já 100 gramas da semente da marca Juventude sai por R$ 11,50. Outro produto que a loja oferece aos seus clientes e é bastante requisitado por quem deseja aumentar a libido e combater a impotência sexual é a catuaba. Igual­mente muito procurada, a Maca Peruana, além de aumentar a energia de homens e mulheres, também estimula o desejo sexual, a fertilidade e equilibra os hormônios em ambos os sexos. O Mundo Verde fica na Estrada do Galeão, 2.800, loja A, Portuguesa, e o telefone é 3353-0505.

Caranguejo – Veleiro

p25f1

Crustáceo rico em B12, que combate a fadiga e equilibra o hu­mor, o caranguejo é uma saborosa fonte de proteína que mantém os glóbulos vermelhos saudáveis para que transportem oxigênio para o cérebro e também energiza quem consome o alimento. O restau­rante Veleiro, especializado em comida nordestina e também com deliciosas opções de frutos do mar em seu cardápio, conta com a deliciosa Casquinha de Caranguejo do Zé, que é a mais pura carne de caranguejo, acompanhada de uma crocante farofa do Pará. É um sucesso entre os frequentadores e custa R$ 25,00. Outra opção são as patinhas de caranguejo, feitas ao vapor e molho especial, com porção de 12 unidades. O Veleiro, aberto para sócios e não sócios, fica na Rua Orestes Barbosa, 229, dentro do Iate Clube Jardim Guanabara. Informações e reservas pelos telefones 2468-3000 e 99646-6142.

Quinoa e ovo de codorna – Oréganus

p26f1

Muito consumida na região dos Andes, a quinoa possui os mesmos nutrientes do arroz e do trigo, mas tem características de plantio e crescimento diferentes. Rica em fibras, dentre seus benefícios está o fortalecimento muscular. Com grande concentração de nutrientes, o ovo de codorna contribui na produção da testosterona, que aumenta a libido nos homens. O Restaurante Oréganus acaba de lançar uma salada feita de alface crespa, ovo de codorna, azeitona preta, queijo minas, tomate, molho ceasar e quinoa. A meia salada custa R$ 19,90 e a inteira sai por R$ 24,90, podendo ser servida como acompanha­mento ou prato principal. Às quintas-feiras, o restaurante oferece a Quinta Árabe, que é a kafta com arroz branco e integral com lentilha, leguminosa que aumenta o gradiente de energia. O Oréganus fica na Rua Colina, 60, loja 29, e o telefone é 3496-4110.

Açaí e cupuaçu – Quiosque do Grego

p26f2

Muito consumido antes ou depois das atividades físicas, o açaí,
fruta oriunda da região Norte do país, é uma excelente fonte de
energia por conta da alta quantidade de carboidratos. A fruta possui ações antioxidantes e combate o colesterol ruim no organismo. O açaí do Quiosque do Grego é um dos mais saborosos e procurados da Ilha, onde os consumidores ainda podem optar por uma série de acompanhamentos self-service. O copo de 300 ml custa R$ 7,90; 500 ml, R$ 11,90; a tigela, R$ 13,90; e o de 700ml, R$ 14,90. Conhecido na Amazônia como “a farmácia em uma fruta”, o cupuaçu, fonte de vitaminas A, B1, B2, B3 e vitamina C, contém diversos benefícios para a saúde e, quando consumido junto com o açaí, se torna uma grande fonte de energia. O Quiosque do Grego fica na Praça do Grego, Jardim Guanabara, e os telefones são 2466-1145 e 2137-1145.

 

Os comentários estão encerrados.