Futebol

Cria do Fluminense, insulano disputa o Brasileiro pelo Boavista

P26F3

Aos 20 anos, o insulano Breno Ca­etano, que deu seus primeiros passos no mundo do futebol dentro do Iate Clube Jardim Guanabara e pertence ao Fluminense, acaba de ser emprestado ao Boavista, de Saquarema, para a disputa da Sé­rie D do Campeonato Brasileiro. E a estreia foi excelente: 3 a 1 sobre a Caldense, em Poços de Caldas, Minas Gerais, com uma grande atuação do jogador.

Morador do Jar­dim Guanabara, Breno, que atua na late­ral direita, começou cedo a demonstrar gosto e talento no futebol. Desde crian­ça, ele integrou as categorias de base do tricolor das La­ranjeiras, sempre se destacando como titular absoluto em campo.

Agora emprestado ao Boavista, Bre­no pretende ganhar mais experiência e já vai integrar o elenco profissional. Assim, ele pode seguir os passos dos craques insulanos Diego Souza, Roger Flores e Douglas, que tam­bém começaram na base do Fluminense e se destacaram no cenário nacional e internacional.

— Futebol é a mi­nha paixão e o Fluminense me deu essa oportunidade desde cedo. Por isso, sou muito grato por tudo que o clube me proporcionou. Ago­ra, no profissional do Boavista, espero fazer um ótimo tra­balho e poder ajudar o clube com meu futebol — afirmou Breno, que é filho dos iatianos Dimitri Caetano e Marcia Caetano.

Apaixonado pela Ilha, Breno afirma que o Iate Clube Jardim Guanabara é um dos locais mais agradá­veis do bairro e só tem boas recorda­ções. “Sou nascido e criado aqui e tenho muito carinho pela Ilha. Quando criança, comecei a jogar no Iate, um clube que eu adoro – recordou Bre­no, que, pelo Flu já foi campeão da Copa Rio Sub-17, do primeiro Campeonato Brasilei­ro Sub-20, dos cario­cas Sub-17 e Sub-15 e também de torneios internacionais dispu­tados na Holanda e na Alemanha.

Os comentários estão encerrados.